DIABETES: CONHEÇA OS PRINCIPAIS PROBLEMAS BUCAIS QUE A DOENÇA PODE CAUSAR

Se não for bem controlado, o diabetes pode afetar a saúde de diversas formas: no funcionamento dos rins, dos olhos, no aumento do risco de infecções e na boca. Neste último caso é necessária uma atenção especial para manter a integridade dos dentes e da gengiva e o bem-estar geral da pessoa que convive com a doença.

As alterações bucais no paciente com diabetes têm sua incidência ou progressão favorecidas pelo descontrole glicêmico, que faz com que a taxa de glicose fique alta no sangue. Elas são comuns mesmo em pacientes com boas ou regulares condições de saúde bucal e chegam a atingir até 80% deles.

O fato de a saliva ser afetada pelo diabetes pode trazer algum prejuízo da saúde bucal. A suscetibilidade a infecções bucais é favorecida pela diminuição do fluxo salivar e por alterações causadas pelo diabetes na própria composição da saliva, que perde proteínas antimicrobianas capazes de controlar infecções.

Por isso, além do desconforto, a diminuição do fluxo salivar é um fator de risco para cárie e lesões fúngicas na boca. A saliva é importante por dificultar o desenvolvimento de cárie e umedecer o rebordo alveolar, sobre o qual se apoiam as próteses.

Conheça, a seguir, os principais problemas bucais que o diabetes pode causar:

Hipossalivação – entre as várias mudanças nas glândulas salivares que podem acontecer em associação com a diabetes, a mais frequente é a redução na quantidade de produção de saliva. O problema dá a sensação de boca seca e também facilita o aparecimento de inflamações, infecções na língua e nos lábios, bem como cáries.

Gengivite – a glicose alta associada à diminuição da saliva e mudanças na composição dela propicia o aparecimento de infeções orais, sendo que a mais frequente é a gengivite. O principal sinal é a gengiva inchada, avermelhada e que sangra facilmente. Se não for tratada, pode evoluir para a doença periodontal.

Doença Periodontal – os diabéticos têm um risco 2,5 vezes maior de ter o problema, que piora quando os níveis de insulina no sangue estão altos. A doença periodontal é uma infecção grave na gengiva que afeta o tecido mole e os ossos que sustentam os dentes. Assim como na gengivite, a gengiva incha, fica avermelhada e sangra fácil, mas também há afastamento e pus entre os dentes e a gengiva. Quando não é tratada, pode causar a perda dos dentes.

Informe ao seu dentista que é diabético logo na primeira consulta. Leve o aparelho de medir o nível de glicose e informe ao dentista se estiver com algum mal-estar relacionado à diabetes. Não tome medicamentos por conta própria ou porque alguém com um problema parecido com o seu tomou. O que é indicado para uma pessoa pode não ser o melhor para o seu caso.