GENGIVA INFLAMADA: SINTOMAS, TRATAMENTOS E CAUSAS

A gengiva inflamada é um sintoma comum da saúde bucal deficiente que ocorre quando este tecido torna-se dolorido, avermelhado,
inchado e sangra muito facilmente e que se não for tratado pode gerar consequências sérias para a saúde geral do ser humano.

A principal causa de gengiva inflamada é a falta de higiene. Quando a higiene é insuficiente ou a técnica de escovação não está adequada, o biofilme (a bactéria) vai se tornando espesso e o acúmulo de resíduos decorrentes da decomposição e metabolismo das bactérias vai causando irritação da gengiva.

Além disso, a gengiva pode se tornar inflamada por outras causas menos comuns como, ferimento por algum alimento (como a casca de pão, espinho de peixe, casca de pipoca), queimaduras por alimentos muito quentes, atrito de próteses mal adaptadas, aparelho ortodôntico, excesso de “carga” na mordida de determinado dente, cigarro e a diminuição do fluxo de saliva.

O diagnóstico da gengiva inflamada é realizado através do exame clínico: o aspecto da gengiva mostra ao dentista que há uma inflamação, e dependendo da suspeita, o dentista pode pedir exames de sangue ou encaminhar o paciente ao médico.

Mas apesar disto, ainda há alguns fatores de risco que levam as pessoas a terem as gengivas mais facilmente inflamadas, como, fatores hormonais:
- durante a gravidez a gengiva reage de maneira mais intensa a todas as causas de irritação. - medicamentos: alguns remédios aumentam a resposta da gengiva, e algumas doenças: como herpes labial, diabetes, epilepsia, aids, leucemia, hipovitaminose (carência de vitaminas), também são causas de inflamação gengival.

Caso o paciente apresente os sintomas de dor, sangramento, inchaço e vermelhidão na gengiva, é indicado que procure o dentista o mais rápido possível.
E este profissional vai verificar as causas e sintomas, vai fazer uma higienização com os meios sempre utilizados no consultório, e vai instruir este paciente para que ele aprenda a cuidar dos dentes e gengivas da forma correta.